Blog - Ideias do seu jeito
O poder do e-mail marketing para gerar vendas em lojas de móveis
19 Jan

O poder do e-mail marketing para gerar vendas em lojas de móveis

O que é? Ele é relevante para minha empresa? Há diferenciais? Como posso usar?

Essas perguntas são cada vez mais comuns quando o assunto é e-mail marketing, uma técnica muito aderida em empresas que buscam ampliar as formas de comunicação com clientes, colaboradores e parceiros.

Tais questões são compreensíveis, afinal, mesmo com alguns processos padrões, ao direcionar um destes para gerar vendas, cada instituição monta uma estratégia equilibrada com as atividades internas e externas, se baseando nas principais necessidades.

Assim, alguns setores como lojas de móveis, em que a comunicação é diferenciada, ainda se confundem ao pensar que o e-mail marketing não supre as necessidades, deixando de investir na ferramenta de comunicação e perdendo oportunidades de melhorar o negócio.

Para eliminar essa impressão, apresentar a técnica e mostrar os benefícios, separamos informações que podem ajudar nas estratégias de sua empresa. Continue a leitura!

O que é o e-mail marketing para gerar venda?

Esta ferramenta tornou-se popular para melhorar o contato com o consumidor, entregar informações e conteúdo, captar e fidelizar clientes, desenvolver estratégias positivas para a empresa e, claro, gerar vendas com efetividade. Com ele, é possível otimizar e firmar a imagem do negócio no mercado utilizando um utensílio de uso cotidiano: a conta de e-mail.

Na prática, podemos definir esse meio como mensagens direcionadas para uma lista estratégica de endereços de e-mails, com informações que podem abranger assuntos como:

  • Apresentação de produtos ou serviços;
  • Divulgação de promoções e lançamentos de linhas;
  • Oferecimento de conteúdo de qualidade sobre assuntos relacionados à empresa;
  • Repasse de informações ao cliente;
  • Captação de leads a partir de campanhas de expansão.

Os tipos de informações divulgadas variam de acordo com o segmento e estratégia da empresa, porém, o contato vale para todos os setores do mercado contanto que o planejamento seja adaptado para o negócio.

Como usar a técnica?

Mesmo com especificidades de cada segmento, o e-mail marketing possui uma base de elaboração para as empresas que aderem à estratégia, com um passo a passo que apresenta pontos como:

1. Elabore sua lista de e-mails

Para começar é preciso pensar na lista de e-mails que receberão a mensagem. Para isso, o ideal é elaborar um banco de dados com informações de clientes atuais ou futuros que se encaixem como público-alvo, considerando que as mensagens não são relevantes para pessoas que não buscam tal conteúdo.

Para captar esses dados, é possível investir em algumas estratégias prévias como:

  • Landing Pages: as landing pages podem ser montadas com campos de preenchimento de dados para os visitantes que trocarão informações por conteúdo, como ao baixar um e-book ou assinar a newsletter;
  • Pop-ups: os pop-ups são caixas de texto que “pulam” na tela do internauta ao clicar em algum campo ou entrar em determinada área do site. Neles, é possível oferecer alguma promoção ou informação em troca de dados, como e-mail e nome do visitante.

Os dados captados no site podem ser usados para o direcionamento do e-mail marketing, ajudando a filtrar o público que realmente será impactado pela estratégia.

2. Escolha a ferramenta de apoio

Com um número baixo de endereços cadastrados, não há problemas ao optar pelo envio individual e manual. Porém, atualmente existem softwares que automatizam o processo e direcionam o e-mail marketing para os contatos cadastrados sem necessidade de individualizar o processo.

Tais softwares podem ser aderidos em empresas especializadas e ajudam a tornar o processo ágil, prático e com menores chances da mensagem cair na caixa de spam.

3. Crie uma estratégia de marketing

Depois dos processos iniciais, se o foco é gerar vendas, é preciso elaborar uma estratégia de marketing digital que contemple as possibilidades a partir da técnica.

Leia também: Estratégias de marketing no ponto de venda para lojas de móveisComo o e-mail marketing pode ser desenvolvido com conteúdos diversos, é essencial criar um cronograma de envios de acordo com a época do ano, objetivo e necessidades do cliente, por exemplo.

Assim, é possível pensar nas promoções do Black Friday, em quais produtos serão destaque nas compras de fim de ano, qual o momento para divulgar serviços e demais possibilidades que atraiam o consumidor.

4. Use conteúdo e estrutura de qualidade

Para um e-mail relevante, a estratégia de marketing deve considerar, também, o conteúdo da mensagem, levantando pontos como: assunto, tamanho do texto, divisão de informações e especificidades que podem fazer a diferença na hora de captar a atenção do leitor.

Para isso, é possível pensar em alguns pontos na hora de elaborar o e-mail, como:

Persona

Pensar na persona que a empresa contempla torna mais fácil entender como a estratégia de marketing digital e conteúdo pode ser feita, considerando quais promoções chamarão atenção daquela persona ou se há produtos em destaque na hora da compra.

Linguagem

Cada persona é atraída por um tipo de linguagem. Pense, por exemplo, que se a persona é mais jovem e interessada por entretenimento, é interessante uma linguagem mais leve e com possíveis referências ao seu universo, como ao brincar com jargões de filmes e séries ou apresentar imagens conhecidos no mundo online. Se a persona é mais velha e voltada ao profissional, o ideal é uma linguagem mais formal ou mesmo técnica dependendo do segmento de atuação.

Objetivo

Defina o objetivo dos e-mails a partir das estratégias de marketing digital. Com isso, é possível mensurar resultados após o envio e entender qual a forma de retorno.

Texto

O texto deve ser montado de acordo com a linguagem e objetivos definidos, oferecendo informação realmente relevante e de qualidade, captando a atenção do leitor para que o conteúdo seja lido e a imagem da sua empresa seja fixada a partir de uma experiência positiva.

Design

Como o internauta preza cada vez mais pelo visual, o design deve chamar atenção junto com o texto, ajudando a atrair o leitor e reforçando a marca da empresa. Assim, cada imagem no e-mail marketing pode ser elaborada de acordo com as datas de envio, gerando compatibilidade com o assunto abordado.

Por fim, após o desenvolvimento da estratégia e dos primeiros e-mails, é bom mensurar resultados e entender o alcance das mensagens, aperfeiçoando as próximas levas de e-mails para um conteúdo mais assertivo.

Quais os benefícios com o e-mail marketing?

A partir da elaboração para gerar vendas, a empresa que investiu na estratégia obterá retorno positivo de formas variadas, sempre de acordo com as técnicas usadas para a elaboração, porém, há vantagens comuns que fazem diferença, como:

Aumento das vendas

O aumento das vendas será proporcional ao interesse que os clientes direcionarão para a empresa ou produtos apresentados no e-mail. Assim, a captação depende da estratégia e do e-mail em si, focando nos pontos de destaque para o consumidor.

Agilidade no processo

Caso a empresa opte pela automação do e-mail marketing para gerar vendas, é possível programar o envio e agilizar processos, direcionando a mão-de-obra que seria utilizada para atividades complementares à estratégia, aumentando a performance do profissional e da empresa em si.

Retenção de clientes

Além de captar, é possível que a retenção de clientes aumente, afinal, se o consumidor teve uma primeira experiência positiva com o e-mail seja a partir de produtos adquiridos ou de informação relevante, é possível que haja segunda, terceira ou mesmo quarta interação, priorizando o conteúdo enviado.

Engajamento com a empresa

O engajamento com a empresa é fundamental para alavancar estratégias, divulgar serviços, gerar maior contato com o público-alvo e consolidar a imagem positiva do negócio.

Com o envio direto para o consumidor, o número de respostas ou mesmo interação em sites e redes sociais tende a aumentar, melhorando a participação ativa entre a empresa e o cliente.

Todos esses pontos são consequência do e-mail marketing para gerar vendas, porém, a estratégia oferece maiores benefícios a partir de sua consolidação e adequação com os trabalhos da empresa, tornando-se uma técnica ideal para alavancar e otimizar o negócio.

Compartilhe
com seus amigos

Deixe seu comentário

Quer receber dicas e novidades da Henn?